Arquivo da tag: Belém

Curso de Qualificação Profissional

Via Carta:

Prezado (a) Senhor (a),

Ao cumprimentá-lo (a), informo que a BELEMTUR firmou o convênio Nº 725888/2009 com o Ministério do Turismo, cujo objeto é conceber e implementar projeto de qualificação profissional, para atender a demanda por pessoal qualificado nos setores da cadeia produtiva do turismo de Belém, com vistas a melhorar a performance da qualidade dos serviços prestados pelos empreendimentos fornecedores de serviços turísticos, além de oportunizar à comunidade local a inserção no mercado de trabalho.

Em anexo, segue cartaz informativo sobre os cursos períodos e locais de inscrições, para que sua entidade faça uma análise das necessidades de cursos de qualificação profissional para os trabalhadores, seus associados, uma vez feito este levantamento, deverá ser enviada à BELEMTUR a lista de funcionários e os respectivos cursos de interesse da instituição.

Ao agradecer a atenção, firmamos o propósito de juntos trabalharmos em prol do crescimento do Turismo em nossa Capital.

Cordiais saudações turísticas.
WADY SALIM KHAYAT

Coordenador Municipal de Turismo Continue lendo

Publicado em Notícias, TURISMO | Com a tag , , | Deixar um comentário

Questões Agrárias na Panamazônia No Século XXI: usos e abusos do território

Questões Agrárias na Panamazônia No Século XXI: usos e abusos do território é o tema que orientará as reflexões do V Simpósio Internacional de Geografia Agrária e do VI Simpósio Nacional de Geografia Agrária, que acontecerá em Belém, Pará, no período de 7 a 11 de novembro de 2011, na Universidade Federal do Pará Campus do Guamá. Neste curto período é impossível contemplar o amplo e diversificado leque temático que se abre quando pensamos a heterogeneidade dos espaços agrários da panamazônia.
Inscrições

– Envio de resumos expandidos: 04/04/2011 a 16/ 05/11

– Envio dos aceites: até 15 de agosto de 2011.

– Envio dos trabalhos completos: até 19 de setembro de 2011.

– Inscrições antecipadas de trabalhos: até 19 de setembro de 2011

– Inscrições para quem não apresentar trabalho: de 20 de setembro até a data do evento

Inscrições e mais detalhes no site: http://singa2011.ufpa.br/

Continue lendo

Publicado em EVENTOS, Notícias | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Belém no Encontro Nacional do Tour da Experiência

Evento Nacional
Belém no Encontro Nacional do Tour da Experiência
(da Assessoria de Imprensa do Sebrae)
Bento Gonçalves – Um grupo de 23 empresários paraenses que representam 18 empresas do projeto Tour da Experiência, participaram, entre os dias 10 e 12 de março, em Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, do Encontro Nacional do projeto. O evento reuniu representantes dos cinco destinos participantes do projeto e teve como objetivo incentivar a criação da rede nacional dos empreendedores, promover o relacionamento entre as empresas, estimular a troca de experiências dos participantes e debater sobre a sustentabilidade do projeto.
[Mais…] Do Pará, participaram as empresas: Amazonita, Chamma da Amazônia, Divina Comida, Ecopousada Miriti, Grupo Uauiara, Hotel Paraíso do Atlântico, Nova Turismo, Os Baioaras, Ourogema, Point do Açaí, restaurante Dom Giuseppe, restaurante Marujos, restaurante Quintela, Saldosa Maloca, Tapioquinha da Amazônia, Tapuia, Vitória Régia Turismo e Vous Volez.

Para Glenda Alves, do restaurante Marujos, no mercado há 22 anos, o evento superou as expectativas. “Pudemos observar que os empresários do Sul do País são bem articulados e mostraram que sabem servir muito bem. Vimos que ainda precisamos melhorar muito nossa mão de obra e que o nosso maior gargalo ainda é o atendimento. Eles estão bem organizados e trabalham muito bem os conceitos de cooperativismo e associativismo”, disse a empresária ao ressaltar que o grupo de Belém está indo no caminho certo e que atualmente estão na fase de formatação dos roteiros que incluirão passeios pelos rios da região, visitas a museus e igrejas, apreciação do pôr do sol regado à carimbó e tapioquinha, entre outros.

Ainda sobre os roteiros paraenses que serão ofertados, os empresários estão programando testes para os dias 7, 8 e 9 de abril, quando visitarão cada um dos roteiros para testar o atendimento e posteriormente disponibilizar os pacotes para os turistas.

Para Jacqueline Diniz, gestora do projeto Tour da Experiência – Destino Belém, do Sebrae Pará, a participação paraense foi muito boa. “A demonstração de que os empresários acreditam no projeto e vislumbram a partir da utilização do conceito de Economia da Experiência um diferencial competitivo dentro do segmento ao qual fazem parte é um ótimo sinal, pois tudo isso é resultado das ações do projeto”, observou Jacqueline ao ressaltar que os empreendimentos de Belém estão preparados para participarem do Tour da Experiência nacionalmente, pois já internalizaram o conceito. Ainda segundo ela, a formação do comitê gestor local e participação de empresários paraenses no comitê nacional que foi decidido durante o encontro para que haja continuidade e sustentabilidade do projeto também é outro ótimo sinal.

Durante o evento, o grupo paraense também fez a divulgação do destino “Belém das crenças, cheiros e sabores” com a distribuição de brindes e demonstração do carimbó.

Projeto – Economia da Experiência pretende proporcionar aos turistas experiências únicas e encantadoras da capital paraense. Realizado pelo Sebrae em parceria com o Instituto Marca Brasil, Embratur e o Ministério do Turismo, o projeto tem como objetivo aumentar o número de ações inovadoras nos estabelecimentos contemplados, aperfeiçoar a produção turística local e satisfazer ainda mais o turista.

Belém foi a quarta capital escolhida para receber o projeto inovador, desenvolvido pela primeira vez, na região da uva e do vinho, no Rio grande do Sul. Além da capital paraense, participam as cidades de Petrópolis (RJ), Porto Seguro (BA) e Bonito (MS).

Os setores de restaurantes, hotelaria, agências de receptivo e produção associada ao turismo (artesanato e grupos culturais), atendidos pelo Sebrae no Pará foram os segmentos escolhidos para desenvolver o tema “Belém das Crenças, cheiros e sabores”.

Atualmente, o projeto em Belém está em fase de conclusão das consultorias de inovação nos empreendimentos (marca, cardápio, uniformes) e dos produtos a partir das vivências que vão permitir as experiências memoráveis. “Teremos a visita de inspeção do Ministério do Turismo, do Sebrae Nacional e do Instituto Marca Brasil”, lembra a gestora Jacqueline Diniz que destaca ainda que está sendo organizada visita técnica a outro destino que participa do projeto e a capacitação dos colaboradores das empresas em atendimento ao cliente utilizando os conceitos de Economia da Experiência. “Também estamos elaborando estudo de caso com base na metodologia com lançamento previsto para o Salão de Turismo”, diz Jacqueline.

Sul – A programação do evento em Bento Gonçalves foi intensa e, já no primeiro dia os empresários participaram das palestras sobre Marketing Emocional, Benchmarking na Itália e Las Vegas e sobre Redes de Cooperação. No final da tarde houve o Talk Show Tour da Experiência onde os destinos apresentaram seus produtos inovadores.

A comitiva de Belém se apresentou como um grupo heterogêneo que reúne restaurantes, hotelaria, receptivos, agentes de viagens, grupos culturais e artesanato. “Estamos em processo de caminhada a nossa rede está se fortalecendo e já temos alguns empreendimentos que estão colocando em prática o conceito de economia da experiência, mas esperamos crescer cada vez mais como grupo que se apoia”, comentou Ricardo Alves Cardoso, do restaurante Divina Comida.

O segundo dia do evento foi destinado a visitas técnicas em empreendimentos locais participantes do Tour da Experiência.

Juarez e Elisabete Valduga, proprietários da Casa Valduga, recepcionaram os empresários em sua encantadora vinícola. O grupo teve a oportunidade de conhecer todo o processo de elaboração do vinho, desde o cultivo até a venda do produto. Um misto de dados técnicos, música italiana e emoções envolveu os participantes.

A outra experiência vivenciada foi a da Osteria Della Colombina. O último dia do Encontro trouxe a palestra Comunicação e Rede com Marcelo Tas, diretor, escritor e roteirista de televisão. Após a apresentação de Tas, os empresários de cada destino reuniram-se a fim de montar um comitê gestor local.

Concluído o Comitê Local, elaborou-se também o Comitê Nacional formado por 2 representantes de cada destino. O objetivo é integrar ações de desenvolvimento do Tour da Experiência no Brasil.

O próximo encontro será realizado durante o Salão Nacional do Turismo – Roteiros do Brasil – no final do mês de maio, em São Paulo. Haverá o lançamento do Estudo de Caso do projeto.

Saiba mais em www.tourdaexperiencia.com

Os destinos participantes são:
Petrópolis – RJ
Região da Uva e Vinho – RS
Bonito – MS
Continue lendo

Publicado em EVENTOS, TURISMO | Com a tag | Deixar um comentário

Dia do Marajó – Todo mês o Marajó virá a Belém

Dia do Marajó – Todo mês o Marajó virá a Belém
O Marajó precisa da sua atenção! Este evento reúne pessoas e organizações interessadas em trabalhar pela região, participe!

18h30
APRESENTAÇÃO
– Orquestra Marajó / Projeto de preservação e aperfeiçoamento da memória músical do arquipélago do marajó.

19H30
PALESTRA
A AMAZÔNIA MARAJOARA EM FRONTEIRAS CULTURAIS: Histórias, Identidade e Saberes Locais
Prof. Dr. Agenor Sarraf Pacheco

Dia 14 de Dezembro de 2010, Terça-feira;
Horário 18:30
Local SESC Boulevard
Boulevard Castilho França, 522 / 523
Campina , em Frente a estação das Docas
Tel: 91 32245305 / 3224 5654 Continue lendo

Publicado em EVENTOS, NOTICIA DE TURISMO | Com a tag , , | Deixar um comentário

CICLO DE DEBATES AMAZÔNIAS – PAISAGENS, NARRATIVAS, SENTIDOS

CICLO DE DEBATES AMAZÔNIAS: PAISAGENS, NARRATIVAS, SENTIDOS
25 a 27 de outubro de 2010 – Belém/PA

Ciclo de debates contemplado pelo edital Cultura e Pensamento 2009/2010, será realizado na cidade de Belém/PA, a fim de promover o encontro para a reflexão acerca das interpretações da Amazônia. Marcadas pela diversidade das relações espaço-temporais (daí o título referir-se a paisagens como espaço e narrativas como tempo) que projetam sentidos, a discussão deve trazer à tona interpretações dos variados lugares de enunciação, seja por meio dos discursos globais, nacionais ou locais. Esses debates são fundados na percepção do modo como o não-amazônida conceitua e enuncia a região – daí a necessidade de promover ações que ressignifiquem as formas de enunciar a região a partir das mais diversas narrativas/representações, de diversos lugares de enunciação e experiências históricas. Os interessados em participar poderão se inscrever até o dia 25 de outubro, data de início do evento.

A idéia do ciclo não se encerra em mesas redondas ou palestras com debates, acrescentam-se as reflexões propostas por representações da Amazônia no campo artístico, especialmente nas formas visuais, audiovisuais, cênicas e musicais. O projeto na região conta com a participação das três maiores instituições de ensino superior do Pará: a Universidade Federal do Pará, a Universidade do Estado do Pará, a Universidade da Amazônia e a colaboração da Universidade Federal do Amazonas. Além destas, conta-se com o fundamental apoio da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo/Núcleo de Poéticas da Oralidade, coordenado pela Profª Dra. Jerusa Pires Ferreira, e de outras IES, como Universidade de Brasília; Universidade de São Paulo e Pontificia Universidad Católica del Perú.

Estudos sobre a cultura da Amazônia, no âmbito acadêmico, têm acontecido na região e fora dela. Em 2002, realizou-se em São Paulo, um evento que se intitulou Amazônias Paraenses. Apesar da nominação, contou com a participação de um grupo de estudantes, pesquisadores e professores de outros estados da região, que naquele momento realizavam suas pós-graduações em São Paulo, a maioria ligada aos programas de Comunicação e Semiótica e de História/ PUC. Este tipo de trabalho vem sendo realizado pelas três IES envolvidas diretamente no projeto – UFPA, UEPA, UNAMA – que, ao longo de suas trajetórias, tem propiciado a discussão sobre o local, o regional e para além destes muros. No momento em que professores dos quadros efetivos, militantes nas áreas de Cultura, Comunicação, Arte e Educação, retornam de suas pós-graduações e posicionam-se em programas de pós-graduação, em grupos de pesquisa e na docência em graduação e latu sensu, essas ações tornam-se mais regulares e qualificadas. Cada uma das instituições envolvidas, a partir de seus curadores, traz sua experiência ao debate acadêmico sobre a cultura na Amazônia, nos mais diferentes aspectos, para esta ação conjunta que pretende, além do debate, também apresentar uma mostra de arte e assim:
Promover um espaço de discussão sobre a diversidade cultural amazônica, a partir de produtores e de pesquisadores da matéria, por meio de ciclos de debates temáticos;
Registrar em áudio e vídeo as discussões, bem como divulgá-las na mídia, a fim de que um maior número de interessados tenha acesso aos resultados;
Publicar, mediante editoras das instituições envolvidas, cadernos com resultados dos debates, para que componham acervo e currículo das IES.
Então, por meio deste ciclo de debates, espera-se promover a integração da produção acadêmica e artística e se proponham ações parceiras para o desenvolvimento da região. Almeja-se também realizar outros fóruns de debates, ampliando a representação dos Estados da região e os segmentos da sociedade envolvidos na área de cultura e educação.

Inscrições: 4 a 25 de outubro de 2010
Informações: 91 3343-3567 | 3564
Site: www.amazonias.blog.br

PROGRAMAÇÃO
Dia 25/10 – 20h
Cerimônia de Abertura
Local : Auditório Davi Mofarrej ( Campus UNAMA – Alcindo Cacela )
Evento com a presença dos curadores do projeto, representantes das Universidades Consorciadas, Representante do MINC (a confirmar) e Representantes dos Debatedores.

Dia 26/10 – 15h
Mesa-redonda I – Amazônias: territórios, fronteiras e culturas
Tratará de assuntos relacionados à história social da Amazônia, pertinente aos movimentos migratórios e à flexibilização das fronteiras.
Coordenação: José Guilherme Fernandes
Participantes:
José Guilherme Santos Fernandes UFPa
Lúcio Flavio Pinto – Pará
Graça Silva – UEPa
RICARDO NOGUEIRA (Geografo)- UFAM
19h
Mesa-redonda II- Estética amazônica: do local ao global
Abordará as diversas linguagens simbólicas, considerando-se uma “poética” amazônica pautada no trânsito entre o local e o global.
Coordenação: Paulo Nunes
Participantes:
Paulo Jorge Martins Nunes – UNAMA
João de Jesus Paes Loureiro – Pará
Márcio Souza – Manaus
Marisa Mokarzel 91 – Pará

Dia 27/10 – 15h
Mesa-redonda III – Representações discursivas I: Mito e imaginário na Amazônia
Abordará a construção dos discursos do imaginário mítico amazônico a partir da perspectiva do local, considerando-se mito como um discurso fundador de realidades.
Coordenação: Roseli Risuenho Viana
Participantes:
Rosely Risuenho Viana – Belém
Jerusa Pires Ferreira – São Paulo/SP
Eduardo Jaime Huarag Álvarez – Lima / Peru
Marcos Frederico Krüger Aleixo – Manaus
19h
Mesa-redonda IV – Representações discursivas II: Literaturas de viagem
Abordará a construção de discursos de viajantes, na perspectiva do “Outro”, que enuncia a realidade amazônica na fronteira entre o mítico e o científico.
Coordenação: Josebel Akel Fares
Participantes:
Josebel Akel Fares – UEPa
Henryk Siewierski – Brasília
Willi Bolle – São Paulo
Amarilis Izabel Alves Tupiassu – Belém
FONTE: www.amazonias.blog.br Continue lendo

Publicado em EVENTOS, GEOGRAFIA, NOTICIA DE TURISMO, Notícias | Com a tag , , , , , , | Deixar um comentário